the land of confusion

Fulcrais


Hoje, mais que nunca, percebi que as pessoas que mais sentem amor por nós são aquelas que estão connosco nos momentos mais cruciais das nossas vidas. Que estão connosco sem quererem nada em troca dando-nos o que mais percisamos. São os nossos olhos para nos guiarem, são os nossos ouvidos para nos ouvirem, são as nossas mãos e pés para nos ajudarem a distinguir os caminhos, são a nossa voz para podermos dizer que não quando a nossa mente é fraca.

Esses sim são a nossa vida e merecem todo o nosso respeito e admiração.

Não escrevi isto porque acho bonito, escrevi sim, porque acredito que tenho as melhores pessoas comigo e que não me vão deixar caír.

1 comentário:

Mariana disse...

que imagem tao forte.. e texto também, xiças amor

stuffs